Mensagem de libertação

para a humanidade

 

 

1. Existe um Deus verdadeiro, fonte, divindade, espírito puro. Este não é o falso deus deste mundo, que prega culpa, medo e punição, mas ele quer que progridamos, sejamos livres e vivamos uma experiência de vida enriquecedora, em diferentes realidades, corpos, dimensões e mundos. Embora possa parecer mentira, o Espírito humano pode ascender em sua evolução para se tornar um ser como um Deus; e assim por diante até o infinito. Ele procura nos despertar, nos libertar e alcançar nosso potencial máximo por meio de comprometimento e desenvolvimento pessoal, não por idéias salvacionistas absurdas. Os obstáculos são colocados por nós mesmos, e pelos espíritos egoístas, não por Ele.

 

2. Cada humano pode adquirir esse conhecimento libertador e também se conectar com o cosmos, abrir seus meridianos ou chakras para conectar, crescer, desenvolver, liberar, amar, sentir. No castigo e no salvacionismo absurdos e irracionais, não há liberdade e muito menos amor. Amor é liberdade, justiça, perfeição, espiritualidade, desenvolvimento; não temer, culpar, punir e abandonar a si mesmo em busca de depositar nas religiões e nos homens o nosso desenvolvimento que corresponde a cada um de nós individualmente. Somos espíritos que podem ascender indefinidamente. Nossa participação na Divindade não se deve ao salvacionismo irracional, mas ao esforço, mérito e desenvolvimento pessoal. Religiões mais do que liberdade oferecem escravidão.

 

3. Existe também uma hierarquia cósmica de deuses, também conhecida nas religiões, embora mitologizada, como anjos. Eles estão nesta edição e alcançaram muito desenvolvimento. Eles são mais altos que nós na evolução física espiritual, e podemos ser como eles. O Grande Observador Celestial em nosso universo local ou Via Láctea é nosso Mestre, o Verdadeiro e Fiel à vontade da Fonte. Ele administra de forma síncrona com seus pares dos mundos infinitos; tudo neste universo local.

 

4. Os Espíritos deste mundo não podem apenas elevar sua evolução a níveis insuspeitados, mas também devem estar cientes de sua realidade de reencarnação. Quando morrem, podem evitar as armadilhas que hierarquias espirituais corruptas lançaram para mantê-las aprisionadas no astral e, portanto, nesses mundos limitados e escravizadores, de modo a encarnar em outros mundos livres e, assim, seguir o caminho do desenvolvimento. No gnosticismo, essa libertação é mencionada, e é uma declaração firme de nossa determinação: temos o poder de fazê-lo, somos encorajados, seguimos seu caminho, não estamos amarrados.

 

5. Como mencionei no ponto um, cada espírito tem conhecimento e atividades espirituais energéticas a serem realizadas para alcançar estados cada vez mais avançados; Ninguém virá para nós levantar do zero, temos que trabalhar em nós mesmos e colaborar com os outros para isso, na verdade, amor e justiça. Assim, as alternativas que o Deus verdadeiro realmente oferece para toda a criação universal serão abertas para todos os Espíritos.

 

Você deve, no entanto, saber que Deus e o Mestre rejeitam certos princípios deste mundo, e você deve, se quiser aceitar Sua Presença Divina, reconsiderar suas posições:

 

a) Deus e o Mestre recusam-se a esconder a essência divina e poderosa do povo.

b) Deus e o Mestre se recusam a tirar a liberdade do povo.

c) Deus e o Mestre rejeitam o assassinato e qualquer interrupção da vida (a morte natural será superada na Era Vindoura).

d) Deus e o Mestre rejeitam a acumulação de bens para alguns e a pobreza de outros.

e) Deus e o Mestre rejeitam a sabedoria e o conhecimento ocultos, conspirações e ocultação de informações importantes que impedem o livre arbítrio.

f) Deus e o Mestre rejeitam a sexualidade (serão vencidos na Era Vindoura).

g) Deus e o Mestre rejeitam pacifismo cego, injustiça, malícia, mentira e covardia.

 

Esses princípios declarados são válidos para todos os seres; e eles governam em um nível cósmico.

 

Leonardo

Terceiro Profeta Avatar