Ficção e Verdade

 

 

Venho pensando algo que diz em Terminator Salvation John Connor:

 

"Você e eu estamos em guerra desde antes do nascimento ..."

personagem John Connor, ator Christian Bale, filme Terminator Salvation (2009)

 

Por incrível que pareça, a realidade é exatamente a mesma, a saber, os Espíritos eternos estão em conflito com o sistema deste mundo ou matriz desde antes de encarnar.

 

É incrível como o cinema de ficção científica parodia e declara as verdades de maneira absoluta, e isso é uma manobra do inimigo espiritual em semear nas pessoas a ideia de que essas idéias e realidades são fantasias, que pertencem a um mundo de sonhos sem sentido, e definitivamente não valeria a pena considerar seriamente.

 

Coisas que a ficção científica mostra como tal, mas que são reais:

 

1. A guerra entre John Connor e Skynet desde antes do nascimento

 

Os espíritos eternos dos homens, muitos, lutam contra as trevas de outras vidas, antes de nascerem.

 

2. Paródia da verdade de Highlander, de que existem imortais vivendo em outro planeta

 

O Senhor e seus anjos habitam um planeta chamado Seisth, que, curiosamente, o filme número dois desta série de filmes retrata como um planeta chamado Zeist.

 

3. A existência de alienígenas

 

É uma grande verdade apresentada como fantasia. A ideia de um universo sem vida à parte do nosso é louca, não é real.

 

4. A existência de um fenômeno do tipo matriz ou sistema defeituoso no mundo

 

A saga Matrix mostra com grande clareza o que é a realidade, uma vez que existe neste mundo uma matriz que envolve espíritos imortais e os parasita para executar os planos do "Arquiteto" (Jeová Satan), e há um Libertador, o Senhor (Neo), o escolhido da justiça e da paz para colocar as coisas em ordem e destruir essa matriz ou sistema.

 

5. Está relacionado ao ponto -2- e trata da existência extraterrestre de anjos, que habitam com o Senhor em um planeta específico, em uma parte específica da Via Láctea, a 64 mil anos-luz da Terra, em forma praticamente simétrica aos dois eixos da Via Láctea.

 

No entanto, eles apresentam os anjos como seres abstratos, imateriais e alados, que voam sobre um céu fictício, indefinido e também abstrato.

 

Por outro lado, existem grandes mentiras universais que são apresentadas como grandes verdades, como:

 

1. A falsa noção de evolução das espécies

 

Essa teoria não foi comprovada, que lida com a vida como uma linha que evolui de acordo com mutações aleatórias e com as necessidades da vida. Isso é inédito e falso, uma vez que os elos perdidos das espécies em evolução não aparecem e ficou provado que a maioria das mutações causa desordem. Eles não são viáveis ​​para o desenvolvimento. A verdade é que existem alienígenas liderados por Jeová Satanás que implantam vida à vontade neste planeta. Há muitos fenômenos OVNI de mutilação animal, que mostram, junto com abduções, que eles experimentam implantar vida aqui na Terra, e talvez o façam também em outros planetas.

 

2. A mentira da existência deste universo e vida como algo aleatório e probabilístico

 

Dizem que tudo é uma grande probabilidade cumprida. É uma grande mentira, não está provado que vivemos em uma realidade probabilística, é óbvio que sempre existe um criador que dá origem às coisas. O universo foi criado por Deus, e as coisas nesta terra, a matriz do grande arconte foi projetada por Satanás Jeová e suas hierarquias demoníacas.

 

3. Religião, pecado, pão católico, função papal

 

Diz-se que o homem é culpado da natureza, o que é falso, uma vez que o DNA tem pecado por si só; portanto, o único culpado de tudo é Satanás Jaldabaoth, Jeová e seus arcontes que criaram a vida humana na Terra.

 

Por sua parte, o pão católico, onde eles dizem que operam uma mudança na substância do pão para torná-lo o próprio corpo de Cristo, é obviamente uma grande mentira, não existe tal coisa, eles deveriam (de fato foram) denunciados por fraude por conhecimento público.

O papa afirma ser o representante de Deus na terra, o que é uma mentira, pois nunca o vimos expressar o que Deus diz a ele sobre coisas diferentes, como morte por fome, miséria, guerras e doenças. A voz de Deus é notória por sua ausência no papado, eles são claramente impostores, não falam com Deus em nenhum momento. Eles apenas se apresentam como Deus, o que não é o mesmo.

 

4. Natal

 

Esta é uma grande mentira apresentada como verdade. O deus do sol não existe nascendo em 24 de dezembro, que é retirado da mitologia dos povos, exemplo em que a divindade solar encarna na Terra para ressuscitar da grande Páscoa florida.

 

5. A suposta inspiração divina da Bíblia e sua suposta relação com a história

 

Somos apresentados à Bíblia como um livro que tem a verdade sobre Deus e realidades históricas. Isto é inteiramente uma imposição por parte do sistema, não existe tal inspiração, é um livro contraditório e seus fatos supostamente históricos são questionáveis ​​e até falsos.

 

Sirva isso para pessoas de boa vontade que buscam a verdade.

 

Leonardo